ACORDAI, BACH VOS CHAMA!

05/08/2011 07:32

 

 

Despertai, caros leitores, afinal, BACH vos chama!

 

_“Despertai, chama-nos a voz do vigia do alto da muralha...Onde estais, virgens prudentes? Celebrai, o noivo está vindo...Preparai-vos para as bodas”.

 

_Mas BACH já não era casado?

 

_Casado e bem! Com suas esposas (a primeira e a segunda), com a música, com nós todos e a posteridade! A parte a “poligamia”, está tudo devidamente registrado e catalogado em obra monumental! Sem tempo, habilidades e instrumentos para percorrermos tão vasto domínio, fiquemos com os desafios da CANTATA BWV 140 “Wachet auf, ruft uns die Stimme”. Alguém, por aí, faltou à aula de alemão?....

 

Falta abonada para os que compareceram à estreia, que ocorreu em 25 de novembro de 1731, na Thomaskirche (Igreja de São Thomas), em Leipzig. Como estiveram lá e puderam apreciar, na íntegra, os sete movimentos da cantata, poderão corrigir-nos as falhas... 

 

Como todos sabem, e o Houaiss confirma: cantata é “composição vocal-instrumental, frequentemente religiosa, com vários movimentos. Poema para ser cantado”. Para a CANTATA BWV 140 “Wachet auf, ruft uns die Stimme”, Johann Sebastian Bach (1685-1750) compôs sete movimentos tendo por tema a parábola das “virgens prudentes e imprudentes”. O belíssimo poema descreve a chegada do noivo celestial _ Jesus_ e culmina com as bodas.

 

Para os que dispensam os detalhes e desejam passar, imediatamente, da teoria para a prática, O IV movimento,           Zion hört die Wächter singen”, é tema do nosso próximo vídeo. Para os que fazem questão do prospecto, ele encontra-se logo abaixo:

 

CANTATA BWV 140 “Wachet auf, ruft uns die Stimme”

 

Primeiro movimento_ “Wachet auf, ruft uns die Stimme” (Despertai, chama-nos a voz) __ é fantasia coral que conclama as virgens a despertarem e prepararem-se para as bodas.

 

Segundo _ “Er Kommt” (Ele vem)_ é recitativo que anuncia a chegada do noivo a Sião (chegada do Senhor).

 

Terceiro _ “Wann Kommst du, mein Heil” (Quando você vem, minha salvação) é dueto para soprano e baixo. A soprano personifica a alma e o baixo, Jesus.

 

Quarto _ “Zion hört die Wächter singen” (Sião ouve o vigia cantar)_ estrutura-se como trio sonata para tenores do coro, oboé da caccia  e contínuo. Nesta parte do poema, “Sião ouve o vigia cantar”, desperta-se/ e as virgens seguem ao encontro do noivo”.

 

Quinto _ “So geh herein zu mir” (Venha para mim)_ é recitativo escrito para a voz baixo. O poema inicia-se com os versos: “Entre, pois, e vem até mim/ Ó noiva que escolhi...”

 

Sexto _ “Mien Freund ist mein” (Meu amado me pertence)_ é dueto para soprano e baixo.

 

Sétimo movimento _ “Gloria sei dir gesungen” (Que sua glória seja cantada)_ é o grand finale com coro a quatro vozes.

 

 

Concluída a leitura, desejamos a todos: “bom concerto”!

 

auf Wiedersehen,

 

 ANTIQUE

  

*Virgens prudentes e imprudentes: sobre o tema desta parábola, recomenda-se leitura de dois brilhantes sermões do Padre Antônio Vieira intitulados Sermão de Santa Teresa e Sermão de Santa Catarina Virgem e Mártir”.

 

 

Contribuição: Maramax

 

© 2011 Todos os direitos reservados.

Crie um site gratuitoWebnode